quinta-feira, 18 de outubro de 2007

Partilha...


Existem dias que doem...
Horas que magoam...
Minutos que ferem...
Segundos que pesam...

Marcas que ficam...
Feridas que se abrem...
Sonhos que voam...
Magoas que permanecem...

Lágrimas que caem...
Palavras que penalizam...
Sorrisos que desaparecem...
Gestos que marcam...

Passos que se perdem...
Abraços que se esvaziam...
Dúvidas que se erguem...
Medos que se avolumam...


H.P.
Uma braçada amiga

10 comentários:

Fa menor disse...

Então, e eu não sei?!...

Mas temos que seguir em frente. Sempre!

Bjinho

Fa-

nMAC disse...

...existem dias que desesperam.
...momentos que nos derrubam.
...sorrisos vazios.

E o virar da página, no dia seguinte...

Aquele abraço 'que te conhece' :)

Catarino disse...

Todos os dias são diferentes, e, se porventura um é mau, o seguinte será certamente melhor, e, se o seguinte também não melhorar, o seguinte ao seguinte, há-de ser concerteza, e se esse não for o...
Abraço, espero a tua opinião, lá no meu cantinho...

Lisbo@ disse...

Tenho prenda para ti!

http://conversadeloira.blogs.sapo.pt/30139.html

Pinguim Alegre disse...

Querida fá -,

é em frente que tento ir...

Bjs grandes

Pinguim Alegre disse...

Meu querido amigo Nmac,

Existem páginas que custam virar...
Mas temos que as virar...

Aquele abraço

Pinguim Alegre disse...

Catarino,

Obrigado pelas palavras.
Sim já lá fui...

Um forte abraço

Pinguim Alegre disse...

Querida amiga Lisboa,

Obrigado pelo presente em breve irei publica-lo.

Bja grandes

Sandra disse...

:))

Abraços que se esvaziam...


são ocos né??

xinhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus pa tu da lua

Pinguim Alegre disse...

Querida Sandra,

São abraços que dão mas que não dizem nada...

bjs grandes!

"Podemos converter alguém pelo que fazemos nunca pelo que escrevemos."

H.P.