domingo, 24 de agosto de 2008

O que procuras?

Quando os sonhos terminam, com eles acabam os sorrisos fáceis, as “loucas corridas”, as juras de amores, etc.
E de um momento para o outro, fecha-se o rosto, erguem-se barreiras e brota dentro de nós uma necessidade exacerbada de isolamento...
É como se de um momento para o outro, tudo dentro de nós deixasse de fazer sentido, tudo dentro de nós deixasse de ter valor...
São sentimentos que se alteram...
São projectos que se encerram...
São realidades que se modificam...
São perguntas que surgem...
São vazios que nascem...
Mas o Homem que somos sobrevive...
Pois é na dor e na solidão que rasgamos novos horizontes, que traçamos novos rumos.
E são nesses momentos que nasce em nós um Homem Novo...
Um Homem que sabe, que acabou um sonho, mas não a sua vida;
Que sabe, que acabou um sonho, mas não a sua felicidade.
E é chegada a hora...
E é este o momento...
De voltar a fazer caminho...
Porque a verdadeira Felicidade não está nos outros, nem naquilo que possuímos...
Está dentro de nós!

Uma braçada amiga

6 comentários:

Fernando Rodrigues disse...

Um Blog muito bonito, parabéns

Voltarei

Gata Verde disse...

Procuro a felicidade eterna!

Beijos

Eu disse...

Exite sempre um sonho a acabar.... mas tambem existe sepre um novo sonho que começa...

A felicidade... não é facil de se conseguir.... Mas existe.....

Beijo grande!

Pinguim Alegre disse...

Carissimo fernando rodrigues,

obrigado pelas palavras e pela visita ( e pelas futuras espero!)

Um abraço

Pinguim Alegre disse...

Querida gata verde,

desde que essa busca nasça dentro de ti... então vais no caminho certo"

Beijos grandes

Pinguim Alegre disse...

Querida eu,

Na vida nada é eterno. A vida é composta por ciclos, por fases, etc. E por isso sempre que se encerra um, outro de abre...
A felidade foi a única coisa que nos prometeram, não a facilidade para atingir!

Bj grande

"Podemos converter alguém pelo que fazemos nunca pelo que escrevemos."

H.P.