domingo, 14 de dezembro de 2008

Desabafos #1




Às vezes ouvimos dizer que o tempo possui em si o poder para curar tudo...
Que o tempo, possui em si a capacidade de nos fazer esquecer e nos fazer habituar a determinadas coisas.
Porém, cada dia que passa descubro que não consigo afastar-me dele, porque não sei suportar a sua ausência...
Que a minha vida sem ele, é vazia de sentido...
E cada momento que vivo com ele, vivo-o ao máximo, porque sei que só o voltarei a sentir “meu” passados outros 15 dias...
E a minha vida é feita deste projecto de sobreviver 15 dias…
Porque eu não consigo habituar-me à idéia...
Porque eu não tenho a capacidade de agir como se "ele não existisse"...
Ele é o meu tesouro...

6 comentários:

Fa menor disse...

Meu querido,
imagino como te dói...
Custa a habituar, mas... pensa que se ele está bem tu também estás... mesmo longe, mesmo sem lhe poderes tocar, está sempre contigo dentro do teu coração. Isso nunca ninguém te tirará.

Muita força!
Beijinhos

Anónimo disse...

Olá, Pinguim

De quem sabe (e se te reconforta): um pai é sempre um tesouro para um filho, e um pai, mm estando longe, pode estar muito, muito perto.

Um abraço grande,
Mariana

Anónimo disse...

Apesar da distancia... Ele é e sera sempre TEU!
Ninguem muda isso!

XI-CORAÇÃO BEM APERTADO!
Beijo

Pinguim Alegre disse...

Minha querida fá -

Obrigado pelas palavras e pela força!

Um bj

Pinguim Alegre disse...

Querida Mariana,

palavras reconfortantes. Obrigado!

Bj

Pinguim Alegre disse...

carissima anonima,

grande verdade. Obrigado!

Bj

"Podemos converter alguém pelo que fazemos nunca pelo que escrevemos."

H.P.