quarta-feira, 5 de março de 2008

"A lua está longe e mesmo assim..."

Longe vão os tempos das gargalhadas.
Longe vão os tempos dos gestos de afecto.
Longe vão os tempos das partilhas
e das juras de amor…

Longe vão os tempos das “loucas” viagens.
Longe vão os tempos em que éramos donos do próprio tempo.
Longe vão os tempos em que nos perdíamos em momentos
e em pensamentos…

Hoje não restam loucuras,
não sobram desejos.
Hoje não existem sonhos,
não sobram projectos.

Hoje apenas fica esta certeza…
só quem vive e se entrega por completo,
pode olhar para trás e dizer…
“Valeu a pena!”

Uma braçada amiga

8 comentários:

letaboboleta disse...

tudo na vida vale a pena....o que fixemos de bom e de mau....porque sempre aprendemos alguma coisa...
jinhos
*leta*

Gata Verde disse...

Vim só deixar uma beijoca de fds!!!

Danainae disse...

Cobardes os que não se entregam por completo com medo de sofrer depois. Só assim vais sendo feliz, só assim vives de verdade. Perto estarão novas gargalhadas, gestos de afecto, partilhas e juras de amor. Agora estás mais preparado para outras tão boas ou melhores loucuras, desejos, sonhos e projectos sem fim. E desta forma ficarás sempre com a feliz certeza de que estiveste lá, de alma e coração, a isso chama-se viver intensamente... Nunca mudes. ;)

Beijocas.

Pinguim Alegre disse...

Carissima letaboboleta,

é verdade!Como diz uma amiga minha, "as pedras no meu caminho, apanho-as todas... Um dia hei-de construir um castelo!"

bjs

Pinguim Alegre disse...

Carissima gata verde,

Um beijo enorme também para vocês!

Pinguim Alegre disse...

Carissima danainae,

Palavras para quê?!

Está tudo dito!

Vou tentar não mudar.

Beijos grandes!

Fa menor disse...

A lua até pode estar longe...
mas
bora lá pintar o céu de azul!

Bjinhos grandes

Pinguim Alegre disse...

Querida fá -,

aceitar que valeu a pena é ter a certeza que o céu tem a cor azul!

;)

Bjs grandes

"Podemos converter alguém pelo que fazemos nunca pelo que escrevemos."

H.P.